krishna1Em um vilarejo, na cidade de Bengali / Índia, vivia uma pobre viúva. Seu filho tinha de ir à escola todos os dias em uma aldeia vizinha, mas para chegar lá ele precisava atravessar uma floresta que o assustava.

– Mamãe, tenho medo de atravessar a floresta sozinho. Por favor, fale para alguém ir junto comigo.

A mãe respondeu: – Filho, somos pobres demais para pagar alguém que te acompanhe na ida e na volta da escola.  Peça a seu irmão Krishna que fique com você durante os trajetos. Ele é o Senhor da floresta e atenderá ao seu pedido.

O garoto fez exatamente isso: No dia seguinte, caminhou até a beira da floresta e chamou por seu irmão Krishna, que respondeu:

– O que deseja, filho?

– Pode vir comigo à escola todos os dias e me acompanhar na volta para casa? Tenho medo de atravessar a floresta sozinho…

– Sim, disse Krishna, terei grande alegria em fazer isso por você.

E, assim, todos os dias de manhã – bem cedo – e à tarde, Krishna esperava pelo menino para acompanhá-lo.

Quando chegou o dia do aniversário do professor, esperava-se que todas as crianças levassem um presente ao mestre, mas a mãe do menino lhe disse:

– Filho, não temos condições de comprar um presente para o seu professor. Peça a seu irmão Krishna para providenciar algo.

O Senhor da floresta entregou ao garoto uma jarra cheia de leite e ele, entusiasmado, foi levá-lo ao aniversariante. Colocou a jarra junto dos outros (muitos) presentes, mas o mestre não deu tanta atenção para a sua gentileza. Percebendo isso, o menino reclamou:

– Ninguém está prestando atenção no meu presente. Ninguém notou o meu presente…

Sem paciência, o mestre disse ao criado:

– Leve essa jarra à cozinha, senão essa lamúria não terá fim!

O criado esvaziou o conteúdo da jarra em uma tigela e ia devolvê-la ao garoto quando, para seu espanto, notou que ela estava cheia novamente. Colocou, então, o líquido em um outro recipiente e, diante dos seus olhos, a jarra se encheu de novo.

Quando o mestre soube do milagre, chamou o aluno e perguntou onde tinha conseguido aquela jarra.

– Foi o irmão Krishna que a deu para mim, contou o pequeno.

– Irmão Krishna? Quem é esse seu Irmão Krishna?

– É o Senhor da floresta. Acompanha-me todos os dias na ida e na volta da escola.

O Mestre duvidou:  – Vamos todos ver esse seu irmão Krishna.

Quando chegaram à beirada da floresta, o menino começou a chamar pelo irmão. Mas o Senhor da floresta, que sempre surgia rapidamente, não apareceu naquele dia. A floresta estava silenciosa. Tudo o que se ouvia, era o eco do garoto chamando por seu irmão Krishna.

– Por favor, irmão Krishna, venha. Se não aparecer, não acreditarão em mim…Estão me chamando de mentiroso. Venha, irmão Krishna.

Finalmente, ouviu-se uma voz. Era o Senhor da floresta:

– Filho, não posso aparecer. No dia em que seu mestre tiver a mesma fé inocente que você tem e o mesmo coração simples e puro, eu virei.

 

Conheça a nossa coleção de títulos infantis: http://www.omnisciencia.com.br/editora-omnisciencia

 

Comments

comments