Reunimos no vídeo trechos de obras de Paramahansa Yogananda que abordam o tema “morte” e, também, uma sugestão de visualização para acalentar o coração daqueles que sentem saudade de alguém que se foi.

 

Trechos citados

Compreendendo a morte / Onde Existe Luz:

“Na morte, você esquece todas as limitações do corpo físico e compreende o quanto é livre. Nos primeiros segundos existe uma sensação de medo – medo do desconhecido, de algo estranho à consciência. Mas em seguida vem uma grande compreensão: a alma experimenta uma alegre sensação de alívio e liberdade. Você percebe que existe separado do corpo mortal” “(…) Nosso eu real, a alma, é imortal.”

 

Estou voando para casa / Meditações Metafísicas:

“Adeus, morada azul do céu. Adeus, estrelas e celebridades celestes, com seus dramas na tela do espaço. Adeus, flores, com suas armadilhas de beleza e fragrância. Vocês já não me podem deter. Estou voando para Casa. Adeus ao tépido abraço do sol. Adeus, brisa fresca, suavizante e confortadora. Adeus, encantadora música dos homens. Permaneci longo tempo divertindo-me com todos vocês, dançando com meus pensamentos de trajes variados, bebendo o vinho de meus sentimentos e de minha vontade mundana. Agora, abandonei a embriaguez da ilusão. Adeus, músculos, ossos e movimentos corporais. Adeus, respiração. Eu a expulso de meu peito. Adeus, batimentos cardíacos, emoções, pensamentos e memórias. Estou voando para Casa, no aeroplano do silêncio. Vou, para em Deus sentir o pulsar de meu coração. Pairando no aeroplano da consciência – acima, abaixo, à esquerda, à direita, dentro e fora, em toda parte – descubro que, em cada recanto de meu lar espacial, estou sempre na sagrada presença de meu Pai.”

 

Visualização – Técnica de enviar pensamentos a almas que já partiram

Para enviar pensamentos a entes queridos que faleceram, sente- se em silêncio em seu quarto e medite em Deus. Quando sentir a paz divina, concentre-se profundamente no ponto entre as sobrancelhas, que é o centro crístico, o centro da vontade, e transmita seu amor aos seres amados que já se foram. Visualize ali a pessoa com quem você quer entrar em contato e envie-lhe vibrações de amor, força e coragem. Se fizer isso continuamente, sem perder a intensidade de interesse por essa alma, é certo que ela receberá suas vibrações. Esses pensamentos dão aos entes queridos uma sensação de bem-estar e o sentimento de serem amados. Assim como você não os esqueceu, eles também não o esqueceram; ainda conservam em sua consciência uma vaga lembrança dos entes queridos que deixaram para trás.

Em vez de chorar e ter uma sensação de perda após a morte dos que lhe são queridos, envie-lhes amor, sempre. Com isso, você ajuda no progresso dessas almas e elas podem ajudá-lo. Nunca as arraste para este plano com sentimentos irracionais de tristeza e de apego egoísta. Diga apenas: “Eu te amo”.

Envie pensamentos de amor e boa vontade a seus entes queridos sempre que sentir vontade, mas não deixe de fazê-lo pelo menos uma vez por ano – pode ser na ocasião de um aniversário ou outra data especial. Diga mentalmente: “Um dia nós nos reencontraremos e continuaremos a desenvolver o amor e a amizade em Deus”. Se você lhes enviar constantes pensamentos de amor, um dia acontecerá o reencontro, com certeza. E você saberá que esta vida não é o fim, mas apenas um elo na eterna corrente do seu relacionamento com os entes queridos.

 

Meditações Metafísicas: http://www.omnisciencia.com.br/meditacoes-metafisicas/p

Onde Existe Luz: http://www.omnisciencia.com.br/onde-existe-luz-edicao-ampliada/p

O Romance com Deus: http://www.omnisciencia.com.br/o-romance-com-deus/p

 

 

Comments

comments